Saúde

Conheça os principais mitos e verdades a respeito da tireoide

Endocrinologista do Centro Médico São José elenca as principais dúvidas e perguntas dos pacientes sobre a tireoide, confirma verdades e derruba mitos a respeito desta importante parte do corpo

A tireoide é uma glândula, presente na região do pescoço, importantíssima para o funcionamento do nosso organismo. Ela produz os hormônios T3 e T4, que regulam muitas funções do corpo. Dra. Cecília Nogueira Machado, médica endocrinologista do Centro Médico São José, de Cerquilho (SP), fala sobre a função dos hormônios da tireoide. “O T3 e o T4 são responsáveis pela manutenção da temperatura do corpo, crescimento capilar, saúde da pele, funcionamento intestinal, metabolismo, dentre outras”, conta.

Tão grande quanto a sua importância são as dúvidas e pensamentos equivocados a respeito da tireoide, por isso, a médica reuniu as principais dúvidas, a respeito desse assunto, que costuma ouvir de seus pacientes durante as consultas médicas. Confira:

Hipotireoidismo é uma doença rara? Não, pelo contrário, é bem comum, pois atinge cerca 10% da população. Os sintomas surgem quando a tireoide produz menos hormônios que o necessário. Quando isso acontece, a pessoa costuma sentir sonolência, cansaço, diminuição do funcionamento intestinal e dos batimentos cardíacos, pele seca e áspera, perda de memória, dentre outros sinais.

Outra dúvida que gera preocupação é com relação aos nódulos que surgem na glândula, em forma de caroços. Afinal, todo caroço é câncer? Não, nem sempre. Para termos a certeza, é preciso fazer o ultrassom da tireoide e, com base no exame, decidir se é necessário um exame complementar, como a punção ou PAAF de tireoide, que é quando um pouco das células desse nódulos são retiradas com uma agulha e o material é enviado para análise laboratorial. A grande maioria dos nódulos são benignos e não exigem uma cirurgia para retirada. 

Exame de sangue revela doenças na tireoide? Sim. Os exames de sangue de rotina mostram a dosagem de hormônios e revela se o funcionamento da glândula está normal. É importante deixar claro que exame de sangue faz diagnóstico de alteração no funcionamento da glândula, no entanto, os nódulos, ou seja, alterações estruturais, só vemos no ultrassom. Muitos pacientes ficam em dúvida sobre isso, pois não entendem como podem ter nódulo, sendo que os exames de sangue deram normais. O que acontece é que são doenças diferentes, diagnosticadas com exames diferentes.

Problemas de tireoide só afetam os adultos? Não. Crianças, adolescentes, idosos e até bebês podem ter disfunções na tireoide. O teste do pezinho, feito nos recém-nascidos é um dos exames que revela uma disfunção congênita. Caso haja uma alteração, pode haver problemas no crescimento e aprendizado, por exemplo. Nesses casos, o paciente é encaminhado ao endocrinologista pediátrico, para acompanhar e tratar o problema.

Doença na tireoide pode ser fatal? Sim, mas é raro. Alguns tipos muito pouco frequentes de câncer na tireoide podem levar à morte, mas é difícil de acontecer. O hipotireoidismo, quando severo e não tratado, também pode levar ao coma e ao óbito. 

Disfunção na tireoide atrapalha a gravidez? Sim. Mulheres com esse problema podem ter dificuldades para engravidar, pois o hipotireoidismo e o hipertireoidismo não tratados ou tratados inadequadamente diminuem a fertilidade. Também podem surgir complicações durante a gestação. Por isso a recomendação é de que as mulheres que pretendem engravidar façam exames e controlem muito bem qualquer problema de saúde antes de tentarem ficar grávidas.

Doença na tireoide engorda? Esse é o mito mais popular. O hipotireoidismo não causa obesidade. O que acontece é que quando a disfunção não é tratada, há a retenção de líquidos, o que aumenta o peso entre três e cinco quilos, mais ou menos. No entanto, ao tratar corretamente a doença, o peso retorna ao normal.

Dra. Cecília também fala sobre como ter uma vida mais saudável: não há um consenso sobre o que causa disfunção na tireoide, por isso, recomendamos ter uma vida saudável em geral. Manter alimentação balanceada, praticar atividades físicas e consultar o médico regularmente para exames de rotina são importantes atitudes para prevenir e diagnosticar precocemente muitos problemas de saúde. 

Saiba mais sobre as doenças na tireoide

O Centro Médico São José lançou um canal no YouTube, onde serão publicados vídeos periodicamente sobre assuntos relacionados à saúde, qualidade de vida e bem-estar, dentre outros. O segundo vídeo, com a endocrinologista Dra. Cecília Nogueira Machado já está publicado. Ele fala com mais detalhes sobre os mitos e verdades a respeito da tireóide. Procure o canal Centro Médico São José no site ( ) ou no aplicativo do YouTube em seu smartphone.

Para mais informações, entre em contato com o Centro Médico São José, unidade Cerquilho: (15) 3288-4848. Canais de comunicação na internet: site: www.centromedicosaojose.com.br; Facebook: www.facebook.com/centromedicosaojose e Instagram: www.instagram.com/centro_medico_sao_jose.

Botão Voltar ao topo
Fechar