Capivari

Devido a grande procura, Vacinação contra a Influenza retorna nesta sexta-feira

A Secretaria de Saúde de Capivari informa que devido a grande demanda por vacinas contra a Influenza, já no seu primeiro dia de imunização, nesta segunda-feira (23) as 1800 doses recebidas já se esgotaram.

A imunização deve retornar na sexta-feira (27), com a chegada de novas doses enviadas pela Regional de Saúde de Piracicaba.

Lembrando que os idosos deverão se vacinar apenas nas unidades escolares abaixo:

EMEI Alcina de Almeida Soares – Bairro Engenho Velho

EMEI Ana Bortoluci Forner – Bairro São João

EMEI Guerino Padovani – Bairro Padovani

EMEIEF Prof. José Benedito Pinto Antunes – Bairro Centro

EICAP Dirceu Ortolani Stein – Bairro Castelani

EMEIEF Professor Derly Andriotti – Bairro Santa Rita

EMEIEF Professora Ana Rufino Dias – Bairro Porto Alegre

Horários: das 8h às 11h e das 12h30 às 16h

Os profissionais de saúde: as vacinas serão aplicadas para os que trabalham dentro de hospitais e na linha de frente de atendimento à pacientes; eles serão vacinados nos locais que trabalham.

CRONOGRAMA

A partir do dia 16 de abril: professores das escolas públicas e privadas;

A partir do dia 9 de maio: crianças de 6 meses à 5 anos de idade (5 anos, 11 meses e 29 dias), gestantes e puérperas (até 45 dias após o parto), povos indígenas e grupos portadores de doenças crônicas não transmissíveis.

Para os demais grupos: a vacinação será realizada nos postos fixos durante a semana, das 8h às 16h, no Centro de Saúde “Dr. Mário Dias de Aguiar” e nos postos dos seguintes bairros: Porto Alegre, Padovani, Castelani, Engenho Velho, São João e Santa Rita de Cássia.

No sábado, dia 9 de maio, acontecerá o Dia D, onde os postos ficarão abertos das 8h às 17h, realizando as vacinações contra a Influenza.

A CAMPANHA

A Vacinação Contra a Influenza é eficaz, pois diminui o risco de contrair a doença em até 90% dos casos, levando duas semanas para produzir o efeito. A vacina não causa gripe e só não pode ser tomada por quem tem um quadro raríssimo de alergia comprovada devido à proteína do ovo.

A Secretaria de Saúde ressalta que é importante não esquecer a caderneta de vacinação. Na primeira etapa não serão vacinadas pessoas das outras etapas seguintes.

Os idosos NÃO devem se dirigir às Unidades de Saúde para evitar o contato com pessoas doentes; as dúvidas devem ser esclarecidas via telefone.

Mais informações pelo telefone: (19) 3492-7326 ou (19) 3492-8201.

Botão Voltar ao topo
Fechar