Covid-19: feirantes testam positivo

O Governo do Distrito Federal (GDF) saiu na frente e testou, na última semana, 213 feirantes das feiras de Vicente Pires e Cruzeiro para o covid-19. De todos esses, seis testaram positivo para o vírus. As testagens ocorrem por iniciativa do governo local, com o objetivo de avaliar a saúde desses feirantes que têm contato direto com a população.

Os trabalhadores das feiras de Ceilândia e do Núcleo Bandeirante começaram a ser testados hoje (23). Os testes ocorrem nas unidades básicas de saúde (UBS) do DF. Estão sendo testados os produtores e feirantes que apresentaram algum sintoma do novo coronavírus ou histórico de contato prévio com a doença.

De 27 que foram submetidos a exames na Ceilândia até o momento, dois apresentaram positivo. Na feira do Núcleo Bandeirante ninguém ainda manifestou sintomas.

O secretário adjunto de Assistência à Saúde do DF, Ricardo Tavares, afirmou que os feirantes têm aceitado bem a ação. “Vimos que a aceitação tem sido boa por parte dos feirantes. Assim, evitamos que o vírus seja transmitido aos usuários da feira”, disse ele à Agência Brasília, veículo de comunicação do GDF.

As feiras permanentes reabriram no dia 6 de abril, por determinação do governador Ibaneis Rocha. O Distrito Federal tem 22 feiras permanentes, que vendem toda variedade de produtos e costumam reunir uma grande quantidade de pessoas, sobretudo no fim de semana.

Cronograma de testagem

As próximas feiras que serão visitadas pelas equipes do GDF são:

Feira Permanente de Sobradinho II: 23 de junho;
Feira Permanente da QNL (Taguatinga): 24 de junho;
Feira do Produtor da Ceilândia: 23 e 26 de junho;
Feira Permanente do Gama: 25 e 26 de junho.

Publicidade

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo
Fechar