Como ficam as aulas nas escolas municipais de Capivari? Veja um resumo

O Prefeito Rodrigo também fez um anuncio importante na tarde desta quinta- feira, no que se refere ao planejamento para a Educação Municipal.

Ele iniciou o assunto afirmando que as aulas ainda estão suspensas por tempo indeterminado e que não há previsão de volta, mas divulgou toda a preparação para o retorno e um plano de atividades para serem desenvolvidas em casa.

Segundo ele na manhã de hoje aconteceu o retorno ao trabalho de diversos profissionais da educação, entre eles serventes, inspetores de alunos, cuidadores escolares, oficiais de escola, auxiliares de apoio escolar, oficineiros, motoristas, monitores, fonoaudiólogos, psicopedagogos, psicólogos, pajens, auxiliar de biblioteca e também dos gestores- diretores, vice-diretores e coordenadores, além dos funcionários da área administrativa da Secretaria da Educação e Departamento de Merenda escolar, com exceção dos funcionários atendidos pelo Decreto nº 6999/20.)

“Haverá uma reestruturação de carga horária e tudo está sendo preparado de forma responsável para o funcionamento das escolas da melhor forma possível,” disse.

Segundo o prefeito, esse planejamento de retorno está sendo feito de forma organizada para que a prefeitura possa cumprir as 800 horas de trabalho, conforme determina a lei, até o dia 31 de dezembro de 2020.

“É importante registrarmos que esse cumprimento se dará com a participação efetiva dos pais que devem se comprometer em buscar e devolver as atividades feitas em casa,” disse.

Do dia 24 ao dia 27 de abril as escolas estarão se preparando para o retorno dos professores.

No dia 28, 29 e 30 retornarão: Professores de Educação Básica I, Professores de Educação Básica II, Professores Substitutos I, Professores Substitutos II; Professores de Trabalho Pedagógico, Professores de Desenvolvimento Infantil com exceção dos professores atendidos pelo Decreto nº 6999/20.
Haverá reestruturação das cargas horárias, com cumprimento de 50% da jornada de forma presencial e os outros 50% de forma remota.
EPIs: estão sendo providenciados e o atendimento será interno, ou seja os professores organizarão atividades e materiais a serem retirados semanalmente pelos pais e realizados em casa.
Um guia será entregue para os pais, sendo que haverá um cronograma semanal de retirada e devolução de materiais.

O Departamento de transportes da prefeitura levará os materiais para serem entregues aos alunos da zona rural.

A partir do dia 04 de maio haverá disponibilização de materiais para o desenvolvimento de atividades em casa para todos os alunos, incluindo a Educação Infantil, Educação Especial e EJA. Essas atividades serão utilizadas futuramente para o cômputo das 800 horas mínimas anuais obrigatórias, conforme as orientações legais;

Será organizado e amplamente divulgado via cartazes, redes sociais e página oficial da Prefeitura de Capivari, um cronograma semanal de retirada e devolução dos materiais.

“É muito importante a conscientização das famílias no sentido de cumprir o cronograma de retirada e entrega dos materiais para a não interrupção do processo de ensino e aprendizagem nesse período de impossibilidade de aulas presenciais e para o futuro cômputo das horas para o cumprimento do ano letivo,” reiterou o Prefeito.

Retorno

Apesar de não haver data prevista para o retorno das aulas, a Secretaria da Educação garantiu com relação ao retorno que haverá avaliação diagnóstica de todos os alunos; reforço e recuperação conforme defasagens apresentadas pelos alunos e legislação vigente; reorganização e priorização dos conteúdos, com remodelação da malha bimestral (PNLD e demais materiais didáticos) e consequente adequação das avaliações e calendário escolar;

Redação

Sobre o autor : Esta notícia foi publicada por um dos redatores do SeuJornal,não significa que foi escrita por um deles, na maioria dos casos, foi apenas editada.
Botão Voltar ao topo
Fechar