Como as empresas estão adaptando sua metodologia para captar novos talentos

  • Técnicas de tratamento e benefícios deixam o funcionário à vontade e cativado

(Crédito: Divulgação)

Nos últimos anos, é notável que há um novo jeito da área de Recursos Humanos das empresas tratar seus colaboradores. Agora, os funcionários são mais incentivados a dar retornos sobre ambiente, comunicação, processos externos e internos da empresa. Assim, o setor consegue agir para tornar a experiência do trabalhador mais leve e positiva no local.

Assim, essa forma de adotar determinadas decisões passa pelo employer branding, que, em tradução livre, significa a marca do empregador, e, da mesma forma que o marketing tenta deixar a reputação dos clientes sempre boa, as empresas tentam deixar sua imagem limpa perante os colaboradores e as novas contratações. Portanto, as empresas possuem os clientes internos – os funcionários – e os externos – os clientes.

A prática consiste em desenvolver uma comunicação corporativa alinhada a iniciativas internas que são focadas na retenção de novos talentos. Deste modo, as empresas buscam manter uma cultura interna bem estabelecida. Isso porque, normalmente, os profissionais mais desejados do mercado decidem onde querem trabalhar e preferem um ambiente de valorização, feedback constante, flexibilidade de horários e com a possibilidade de conciliar o trabalho e a vida pessoal.

Veja abaixo algumas iniciativas que fazem parte do employer branding:

Fortalecimento da cultura interna

Manter uma cultura forte e estabelecida ajuda a captar e atrair profissionais que estejam alinhados a ela. Desta forma, os funcionários poderão se sentir conectados à empresa, por meio de visões e processos internos consolidados. 

Preferências dos colaboradores

Analisar os trabalhadores já contratados e identificar o que eles mais gostam na empresa ajuda a manter os talentos por perto. Os colaboradores indicam a organização para os amigos e conhecidos? Se a resposta for afirmativa, é mais provável que a corporação encontre ainda mais profissionais talentosos a partir das conexões. 

Benefícios corporativos

Com essa prática já antiga, a vida dos colaboradores durante a experiência na empresa melhora com os benefícios oferecidos. Neste caso, eles podem ser o já conhecido vale-refeição, ou os mais atuais, como os convênios com academias. Desta forma, a organização mostra que procura garantir o bem-estar do colaborador dentro e fora do ambiente de trabalho.

Além dessas, existem diversas outras práticas que podem melhorar a experiência dos funcionários dentro da corporação, e todas elas passam por um processo de planejamento, execução e análise dos resultados. 

Marcos Paulo Braggion

O autor desta notícia, Marcos , é jornalista, com Registro no Ministério do Trabalho nº43.092/SP, escreve e edita diversos temas, atualmente é o Diretor do site SeuJornal. Contato: [email protected]
Botão Voltar ao topo
Fechar