Atualidades

Saiba como prevenir trombose em viagens longas

Universidade de Harvard diz que chance aumenta em quase 30% a cada duas horas sentado 

(Crédito: Divulgação)

Chegou o início do ano e, agora, é época de viagens com a família e os amigos. Também é hora de viagens longas — de avião, ônibus ou carro. Tenha atenção, pois a trombose ocorre por ficar na mesma posição durante muito tempo. Ficar sentado em uma cadeira é um grande risco à saúde.

Segundo o doutor Gilberto Narchi, cirurgião vascular do HCor (Hospital do Coração), em entrevista ao Portal do Hospital, a má circulação dos membros inferiores, quando associada a fatores genéticos, obesidade, diabetes, sedentarismo, hipertensão e tabagismo, pode causar a trombose venosa profunda. 

“A trombose venosa profunda, ou trombose do viajante, é a formação de coágulos no sangue. A doença pode ocorrer durante uma viagem de avião de longa duração, porque o passageiro fica sentado por muito tempo durante o voo, o que represa a circulação sanguínea nos membros inferiores”, disse o médico.

Estudo de Harvard

Ainda na linha dos estudos, de acordo com a Escola de Saúde Pública da Universidade de Harvard, nos Estados Unidos, a possibilidade de ter trombose aumenta em quase 30% a cada duas horas sentado em uma viagem. Quem corrobora da mesma opinião é o cirurgião vascular Caio Focássio, membro da Sociedade Brasileira de Angiologia e Cirurgia Vascular, em entrevista ao site R7.

“Se forma um coágulo dentro do sistema venoso, que leva o sangue do corpo para o coração. Quando o indivíduo está há muito tempo parado, como em viagens duradouras, o fluxo de sangue dentro da veia diminui. Um pedaço desse coágulo migra para o pulmão. Em 90% dos casos, são assintomáticos, mas pode dar dor torácica, falta de ar e levar à morte”, concluiu o cirurgião.

Sintomas visíveis

Segundo o doutor Narchi, existem alguns sintomas aparentes, e é bom se atentar aos sinais. “Os principais sintomas da trombose são dores nas pernas, coloração do membro mais avermelhada ou próxima ao roxo, formigamento e adormecimento. No entanto, o problema também pode ser oculto e diagnosticado por exames específicos”, comentou.

Como prevenir

Existem alguns meios de prevenir e evitar problemas graves. Confira abaixo algumas dicas.

– Meia de compressão: são indicadas para casos de doenças venosas ou problemas de circulação sanguínea, porque servem para facilitar a circulação e prevenir o surgimento de varizes, como as meias Kendall.

– Realizar caminhadas diariamente.

– Movimentação ativa dos pés e pernas durante o período em que permanece sentado.

– Uso de roupas confortáveis e largas durante as viagens.

– Ingerir com moderação bebidas alcoólicas.

– Não usar comprimidos para dormir.

 – Evitar fumar.

Botão Voltar ao topo
Fechar