Asteroide ‘potencialmente perigoso’ acaba de passar perto da Terra

A Terra foi uma testemunha privilegiada da jornada de um asteroide gigante nesta quarta-feira (29/04).

O corpo celeste, de cerca de 2 quilômetros de largura, passou a uma distância que os astrônomos definem como “aproximação”.

O asteroide OR2 1998 passou a cerca de 6,3 milhões de quilômetros do nosso planeta. Isso é mais de 16 vezes a distância que nos separa da Lua.

Mas, apesar do fato de a Nasa, agência espacial americana, ter alertado que o asteroide não representaria um risco para a Terra, os astrônomos o classificaram como “potencialmente perigoso”.

Por que é considerado perigoso se passou tão longe?

O perigo potencial, segundo a Nasa, tem mais a ver com o que ele pode se tornar no futuro.

Publicidade

“O asteroide 1998 é classificado como ‘potencialmente perigoso’ porque, ao longo de um milênio, qualquer pequena variação em sua órbita pode criar mais perigo para a Terra do que representa agora”, explicou a agência espacial em um comunicado.

Por isso, é importante para os astrônomos rastrear o asteroide durante sua aproximação à Terra.

“Usando telescópios e radares, observar as mudanças no asteroide nos permite avaliar melhor seu perigo a longo prazo”, diz o comunicado.

*Informações G1

Redação

Sobre o autor : Esta notícia foi publicada por um dos redatores do SeuJornal,não significa que foi escrita por um deles, na maioria dos casos, foi apenas editada.
Botão Voltar ao topo
Fechar